Inicio | Temas Bíblicos |Leia a Biblia Leia a Bíblia | Post´s em Espanhol |Doações |Contato pt Portuguese
Esta é a vida eterna: que te conheçam, o único Elohim verdadeiro, e a Yeshua o Messias, a quem enviaste. JOÃO 17:3
faceicon
A Brit Hadasha fala sobre a Torah

CUIDADO COM OS QUE NEGAM O MASHIACH YESHUA CONDENANDO A BRIT HA’DASHAH.

A Brit Hadasha fala sobre a Torah

A “lei” de IHVH, dado por Ele desde a criação e mediada por anjos para todos os profetas, é a palavra hebraica Torah, que significa “ensino ou instrução”.

A Brit Hadasha / restauração da aliança não nega a Torah

  1. A Torah é aumentada no coração da Brit Hadasha no Messias.

“Eis, vêm os dias, declara IHVH, que eu vou fazer uma restauração da aliança com a casa de Israel e com a casa de Judá: não segundo a aliança que fiz com seus pais no dia em que os tomei pela mão para trazê-los da terra do Egito… Mas esta será a aliança que farei com a casa de Israel… Colocarei Minha Torah em suas partes internas e escrevê-la-ei em seus corações; serei o seu Elohim, e eles serão o meu povo” (Jr 31:31-33).

“E quando eles ouviram, eles exaltarao Yahwh e disseram-lhe: Bem vês, irmão, quantos milhares de judeus há que crêem, e todos zelosos da Torah” (At 21:20).

  1. A Torah é perpétua em toda Brit Hadasha até o fim dos tempos.

“Porque em verdade vos digo que, até que os céus e a terra passem, nem um jota ou um til se omitirá da Torah sem que tudo seja cumprido” (Mt 5:18).

  1. O Messias espera que a Torah seja ensinada, não abolida.

“Não cuideis que vim ab-rogar a Torah ou os profetas; não vim ab-rogar-los, mas cumprir-los. Porque em verdade vos digo que, até que os céus e a terra passem, nem um jota ou um til se omitirá da Torah sem que tudo seja cumprido. De maneira que qualquer que violar um destes menores mandamentos e assim ensinar aos homens será chamado o menor no poder soberano dos céus; aquele, porém, que os cumprir e ensinar será chamado grande no poder soberano dos céus” (Mt 5: 17-19).

  1. O apóstolo Sha´ul queria estabelecer a Torah, não aboli-la

“Anulamos, pois, a Torah pela fé? De maneira nenhuma; antes, estabelecemos a Torah” (Rm 3:31).

  1. O Messias irá rejeitar quem trabalha contra a Torah.

“Nem qualquer que me diz: Senhor, Senhor! entrará no Reino dos céus, mas aquele que faz a vontade de meu Pai, que está nos céus. Muitos me dirão naquele dia: Senhor, Senhor, não profetizamos nós em teu nome? E, em teu nome, não expulsamos diabos? E, em teu nome, não fizemos muitas maravilhas? E, então, lhes direi abertamente: Nunca vos (assim) conheci; apartai-vos de mim, vós que trabalhais contra a Torah*” (Mt 7:21-23).

[Nota: A versão King James diz “iniqüidade”, mas a palavra grega é anomia, ou seja, sem lei, anti- lei ou “contra a lei.”]

  1. Sem o ensino do direito não podemos saber o que IHVH considera pecado.

“Quem comete pecado transgride também a Torah, pois o pecado é a transgressão da Torah” (I Jo 3:4).

“porque pela Torah vem o conhecimento do pecado” (Rm 3:20).

“Mas eu não conheci o pecado senão pela Torah; porque eu não conheceria a concupiscência, se a Torah não dissesse: Não cobiçarás” (Rm 7:7).

  1. A Torah continua a ser santa, justa e boa.

“E assim, a Torah é santa; e o mandamento, santo, justo e bom” (Rm 7.12).

  1. A Torah é espiritual e só os espiritualmente mais exigentes podem entendê-la

“Pois sabemos que a Torah é espiritual” (Rm 7:14).

“Ora, o homem natural não compreende as coisas do Espírito Elohim, porque lhe parecem loucura; e não pode entendê-las, porque elas se discernem espiritualmente” (I Co 2:14).

  1. A lei é válida instrução sob a Brit Hadasha

“Mas ele (o Messias) respondeu e disse: está escrito, o homem não viverá só de pão, mas de toda palavra que procede da boca de Elohim” (Mt 4:4).

“Toda escritura divinamente inspirada é proveitosa para ensinar, para redarguir, para corrigir, para instruir em justiça” (II Tm 3:16).

[Nota: os primeiros crentes na época da Brit Hadasha tinham apenas a Torah e os profetas como sua escritura.]

  1. Estar “debaixo da graça”, não significa que rejeitamos a Torah.

“Pois quê? Pecaremos porque não estamos debaixo da Torah, mas debaixo da graça? De maneira nenhuma” (Rm 6:15).

[Nota: declaração de Sha´ul, “Porque o pecado não terá domínio sobre vós, pois não estais debaixo da lei, mas debaixo da graça” (Rm 6:14), é um dos mais incompreendidos da Brit Hadasha. Estar “não sob a lei” não significa que podemos rejeitar ou desobedecer a Torah. A ideia é uma das perspectivas. A Torah é para estar em nós em vez de por cima de nós. Isso significa que a Torah é ensinada em nós pelo espírito. Estamos debaixo da graça, que é o poder, não para o pecado, ou “transgredir a Torah”. Em vez de comandar-nos partir sem Torah, opera em nós pelo espírito da graça. Por esta razão Sha´ul diz, “De maneira nenhuma. Nós que estamos mortos para o pecado, como viveremos ainda nele?” (Rm 6:2). E, João diz, “quem é nascido de Elohim não continua cometendo pecado… ele não pode continuar no pecado, porque ele é nascido de Elohim. Nos filhos de Elohim são manifesto e os filhos do diabo. Quem não faz justiça não é de Elohim, nem aquele que não ama seu irmão”(1 Jo 3:9,10).]

  1. Obedecer a Torah não é suficiente para justificar uma pessoa.

“E de tudo o que, pela Torah de Moshe, não pudestes ser justificados, por ele é justificado todo aquele que crê” (At 13:39).

“Portanto, com as obras da Torah nenhuma carne será justificada aos seus olhos” (Rm 3:20).

“Pois, se nós, procurando ser justificados no Ungido, nós mesmos também somos achados pecadores, é, porventura, o Ungido ministro do pecado? De maneira nenhuma” (Gl 2:17).

[Nota: A incapacidade da Torah para justificar uma pessoa não nega a verdade da Torah. É a Torah que exige que nós tenhamos um sacrifício pelo pecado. A fé na justificação que vem através do sacrifício do Messias em si é uma obediência à Torah. “Você deve nascer de novo” é em essência um mandamento.]

  1. Apóstolo Sha´ul viveu e ensinou a Torah.

“Sha´ul, navegou para a Síria… teve cortado o cabelo em Cencréia, pois ele tinha (concluído) um voto” (At 18:18). Ver Nm 6:5.

“Honra teu pai e a mãe, que é o primeiro mandamento com promessa” (Ef 6:2).

“Porque está escrito na Torah de Moshe, você não deve amordaçar a boca do boi que pisa o milho” (I Co 9:9).

“Mas isso eu confesso a ti… Eu adoro o Elohim de meus pais, comprometido com todas as coisas que estão escritas na Torah e nos profetas” (At 24:14).

“O Messias, nossa Páscoa, é sacrificado por nós. Portanto, deixe-nos a manter a festa (da Páscoa), não com fermento velho, nem com o fermento da maldade e da malícia; mas com os ázimos da sinceridade e da verdade” (I Co 5:7-8).

“Mas nós sabemos que a Torah é boa, se um homem usá-lo legalmente. Sabendo isto, que a Torah não é feita para um homem justo, mas para aqueles contra a Torah e desobedientes, para os ímpios e os pecadores, para o sagrado e o profano” (I Tm 1:8-10).

  1. Os fiéis guardam a Torah.

“E ele é que obtém graça para nossos pecados, e não somente pelos nossos, mas também pelos de todo o mundo. E por isto sabemos que o temos conhecido: se guardarmos os seus mandamentos. Quem diz: Eu conheço-o, e não guarda os seus mandamentos, é mentiroso, e nele não há a verdade. Mas quem guarda a sua palavra, o amor de Elohim está nele verdadeiramente cumprido: por isto sabemos que estamos nele” (I Jo 2:2-5). Ver I Jo 5:2,3.

“O dragão irou-se… e foi para fazer guerra com os remanescentes… que guardam os mandamentos de Elohim, e têm o testemunho de Ieshua, o Messias” (Ap 12:17).

“Aqui está a paciência dos santos: aqui estão eles, que guardam os mandamentos de Elohim e a fé de Ieshua” (Ap 14:12).

Direitos autorais 1996. David M. Hargis. Todos os direitos reservados.

Tradução: Mário Moreno

Título original: “The New Testament Speaks Out On the Law”.

Tags: