Inicio | Temas Bíblicos |Leia a Biblia Leia a Bíblia | Post´s em Espanhol |Doações |Contato pt Portuguese
Esta é a vida eterna: que te conheçam, o único Elohim verdadeiro, e a Yeshua o Messias, a quem enviaste. JOÃO 17:3
faceicon
A IGREJA QUE AMA ENSINA

A IGREJA QUE AMA ENSINA
1Tm 3.16,17; 4.1-5
INTRODUÇÃO:
O ensinamento pode ser tanto na teoria como na prática; é ensinar a entender (ensinamento teórico) e ensinar a fazer (ensinamento prático). Quem para de crescer hoje, para de ensinar amanhã.

I – Seguindo o Exemplo de Esdras – Ed 7.10
1. Assim como Esdras, todo servo do Senhor deve ter as mesmas disposições em relação à Palavra de Deus, ou seja:
1.1. Disposto a conhecer a Palavra.
1.1.1. Como obreiro aprovado que maneja bem a Palavra – 2Tm 2.15
1.1.2. Toda a Escritura é inspirada e proveitosa para ensinar, para redargüir, corrigir, instruir em justiça. O conhecimento da Palavra nos leva à perfeição e nos prepara para as boas obras 1Tm 3.16,17
1.1.3. O salmista dizia ter mais entendimento do que todos os seus mestres, porque meditava nos mandamentos do Senhor – Sl 119.99
1.2. Disposto a obedecer a Palavra.
1.2.1. O cuidado do servo de Deus é duplo, ou seja: com a sua própria pessoa e com a doutrina bíblica – 1Tm 4.16
1.2.2. O apóstolo Paulo exercia a autodisciplina a fim de não ser reprovado em ter pregado e não ter ele mesmo vivido o que pregou – 1Co 9.27
1.3. Disposto a ensinar a Palavra.
1.3.1. Falando aos romanos acerca dos dons de servir, Paulo diz: “… se é ensinar, haja dedicação ao ensino” (Rm 12.7b)
1.3.2. Com relação aos cinco dons ministeriais em Efésios 4.11, destacaremos o de pastor-mestre:
O Pastor. É aquele que alimenta e guarda as ovelhas. É vocacionado e dotado de conhecimento das Escrituras, capacitado para dirigir a igreja nas atividades espirituais, ministeriais e administrativas. Tem amor às ovelhas e a Palavra Jr 3.15
O Mestre. Na versão corrigida é doutor, Isto é, doutor no ensino da Palavra. Nem todos possuem capacidade para ensinar ou transmitir conhecimento. O mestre pode até não pastorear, mas o pastor deve sempre ensinar.
1.1.1. É indispensável que o líder (bispo, pastor) seja aplicado ao ensino. Deve ele ensinar sistematicamente os seus liderados – 1Tm 3.2b
1.1.2. O verdadeiro líder exerce tríplice função pedagógica, que é: “Ler, exortar e ensinar”, como orientou Paulo a Timóteo – 1Tm 4.13
1.1.3. Por último, é bom saber que para os mestres o juízo será maior. É o que nos revela Tiago em sua epístola:
“Meus irmãos, somente poucos de vocês deveriam se tornar mestres na Igreja, pois vocês sabem que nós, os que ensinamos, seremos julgados com mais rigor do que os outros”. (Tg 3.1-BLH)

Obs.: “Antes de ensinar a Palavra de Deus é nosso dever obedecê-la, mas para obedecer e ensinar é necessário conhecê-la”.

II- O Ministério da Palavra na Igreja
1. Só o genuíno ensino bíblico livrará a igreja das inovações e modismos atuais.
1.1. A igreja que fundamenta seus ensinamentos e a sua conduta na Palavra de Deus, ficará imune contra as heresias atuais. Sem o conhecimento bíblico surgem as meninices e corre-se o risco de aceitar falsas doutrinas. – Ef 4.11,15
1.2. O que fez a igreja primitiva crescer e permanecer firme nos seus propósitos espirituais, foi ela ter permanecido na doutrina dos apóstolos – At 2.42
1.3. A permanência na verdadeira fé dependerá de se buscar avaliar à luz da Palavra de Deus aquilo que é ensinado. Assim procediam os irmãos bereanos:
“E logo os irmãos enviaram de noite Paulo e Silas a Beréia; e eles, chegando lá, foram à sinagoga dos judeus. Ora, estes foram mais nobres do que os que estavam em Tessalônica, porque de bom grado receberam a palavra, examinando cada dia nas Escrituras se estas coisas eram assim.” (At 17.10,11)
1.1. O apóstolo Paulo afirma categoricamente que tudo que está escrito na Palavra é para o nosso ensino – Rm 15.4

CONCLUSÃO:
A igreja não pode perder a sua identidade como povo de Deus. Ela precisa pautar a sua vida segundo a vontade do Senhor expressa em Sua Palavra. Deus não desistiu de sua igreja por maior que sejam as faltas por ela cometidas. Deus a usa para glória de seu nome, restauração espiritual e emocional dos crentes e salvação do mundo.

Tags: