Inicio | Temas Bíblicos |Leia a Biblia Leia a Bíblia | Post´s em Espanhol |Doações |Contato pt Portuguese
Esta é a vida eterna: que te conheçam, o único Elohim verdadeiro, e a Yeshua o Messias, a quem enviaste. JOÃO 17:3
faceicon
Alguns Versículos da Bíblia Ensinam que Temos uma Alma Imortal?

Alguns Versículos da Bíblia Ensinam que Temos uma Alma Imortal?

Há quem creia que várias escrituras apóiem a crença de uma alma imortal. Então, vamos analisar algumas dessas passagens importantes e entender o que elas realmente dizem.

Mateus 10:28―Destruir a alma e o corpo no inferno?

“Não temais os que matam o corpo e não podem matar a alma; temei, antes, aquele que pode fazer perecer no inferno a alma e o corpo” (Mateus 10:28). Será que neste versículo Jesus ensina que a alma é imortal? Se atentarmos cuidadosamente para esta Escritura veremos que Jesus realmente diz que a alma pode ser destruída. Aqui Jesus avisa acerca do julgamento de Deus. Ele diz para não temermos os que podem destruir somente o corpo humano (grego: soma), mas para temer Aquele (Deus) que é capaz de destruir a alma (grego: psuche). Em síntese, Cristo estava dizendo que quando um homem mata outro, essa morte é apenas temporária; Deus pode resuscitar qualquer um de volta à vida física, seja logo depois da morte (ver Mateus 9:23-25; 27:52; João 11:43-44; Atos 9:40-41; 20:9-11) ou na era vindoura, após a vinda de Cristo à Terra. A pessoa que morre não se foi para sempre. Devemos venerar a Deus, o único que pode anular todas as possibilidades de qualquer ressurreição para a vida. Quando Deus destrói alguém no “inferno”, a destruição dessa pessoa é permanente. O que é o “inferno” mencionado neste versículo? A palavra grega gehena usada aqui é derivada da combinação das palavras hebraicas Gai e Hinnom que significam “vale de Hinom”. Originalmente, a expressão se referia a um vale situado ao sul de Jerusalém, onde se adoravam divindades pagãs. Por causa de sua reputação como um lugar abominável, mais tarde passou a ser um depósito de lixo, onde o mesmo era queimado. Assim, gehena veio a tornar-se sinônimo de “um lugar de fogo”―um lugar utilizado para o descarte de coisas inúteis. Somente Deus pode destruir completamente os seres humanos, eliminando qualquer esperança de resurreição. As Escrituras ensinam que, futuramente, Deus exterminará os ímpios incorrigíveis pelo fogo e os reduzirá a cinzas (Malaquias 4:3)―extinguindo-os para sempre. 1 Tessalonicenses 5:23: Espírito, alma e corpo? Para muitos, a expressão que o apóstolo Paulo usou na sua primeira carta aos crentes de Tessalônica, é confusa porque diz: “E o mesmo Deus de paz vos santifique em tudo; e todo o vosso espírito, e alma, e corpo sejam plenamente conservados irrepreensíveis para a vinda de nosso Senhor Jesus Cristo” (1 Tessalonicenses 5:23). O que significa a frase de Paulo: “espírito, alma e corpo”? Por “espírito” (grego: pneuma), Paulo refere-se ao componente imaterial que é unido ao cérebro físico do homem para formar a mente humana. Este espírito não tem consciente própria. Mas ele dá ao cérebro a capacidade de raciocinar, de ser criativo e de analisar a nossa existência (ver Jó 32:8; 1 Coríntios 2:11). Por “alma” (grego: psuche), Paulo refere-se à vida física e sua consciência vivente. Por “corpo” (grego: soma), Paulo alude àquilo que em nós é a carne do corpo físico. Em resumo, Paulo tinha o desejo de que a pessoa completa, isto é, incluindo a mente, a vitalidade da vida e o corpo físico, seja santificada e irreprovável. Apocalipse 6:9-10: O clamor das almas dos mortos? “E, havendo aberto o quinto selo, vi debaixo do altar as almas dos que foram mortos por amor da palavra de Deus e por amor do testemunho que deram. E clamavam com grande voz, dizendo: Até quando, ó verdadeiro e santo Dominador, não julgas e vingas o nosso sangue dos que habitam sobre a terra?” (Apocalipse 6:9-10). Para entender esta escritura precisamos analisar o seu contexto. João estava vivendo uma experiência singular—nada menos que uma visão—enquanto ele “em espírito” (Apocalipse 4:2), sob inspiração, presenciava acontecimentos futuros através de símbolos. O quinto selo é figurativo da grande tribulação, um tempo conturbado para este mundo que precederá o regresso de Cristo. Nesta visão João viu debaixo do altar os mártires crentes que sacrificaram as suas vidas pela fé em Deus. Estas almas simbolicamente perguntam a Deus quando é que “vingarás o nosso sangue?” (Apocalipse 6:10). Esta situação pode ser comparada com a que lemos no livro de Gênesis, onde nos diz que, também metaforicamente, o sangue de Abel “clama” a Deus desde a terra (Gênesis 4:10). Evidentemente que tanto as pessoas mortas como o sangue não podem falar literalmente, estas frases demonstram, figurativamente, que um Deus de justiça não esquecerá as mortes e outras crueldades perpetradas contra os Seus seguidores. Este versículo não descreve almas viventes que tenham ido para o céu. A Bíblia confirma que “ninguém subiu ao céu, senão o que desceu do céu, o Filho do Homem, que está no céu [Jesus Cristo]” (João 3:13). Até mesmo o justo rei Davi, um homem segundo o coração de Deus (Atos 13:22), foi descrito por Pedro como “sepultado, e entre nós está até hoje a sua sepultura” (Atos 2:29), ele não está vivendo no céu ou em qualquer outro tipo de estado ou lugar.

http://portugues.ucg.org/estudos/o-que-acontece-depois-da-morte/alguns-versiculos-da-biblia-ensinam-que-temos-uma-alma-imorta

Tags: