Inicio | Temas Bíblicos |Leia a Biblia Leia a Bíblia | Post´s em Espanhol |Doações |Contato pt Portuguese
Esta é a vida eterna: que te conheçam, o único Elohim verdadeiro, e a Yeshua o Messias, a quem enviaste. JOÃO 17:3
faceicon
AMAR A DEUS SOBRE TODAS AS COISAS

AMAR A DEUS SOBRE TODAS AS COISAS

Amarás, pois, o SENHOR teu Deus de todo o teu coração, e de toda a tua alma, e de todas as tuas forças. (Dt. 6.5)
– O que significa de fato amar a Deus?
– Quais são as implicações disto.
– É possível de fato amar a Deus de todo o coração?
– Quais as recompensas advindas de amar a Deus de todo o coração?

– Gostaria de começar a meditação de hoje refletindo num outro texto de Mateus à e por se multiplicar a iniqüidade, o amor de muitos se esfriará (Mt. 24.12).
– Este texto se refere ao final dos tempos e fala principalmente à Igreja.
– Qual a prova de que o texto fala à Igreja à o mundo não tem amor verdadeiro
– E há também um outro texto muito importante na seqüência deste à Mas aquele que perseverar até ao fim será salvo. (Mt 24.13)
– Então a exortação do Senhor Jesus em perseverarmos é para nós
– E mais ainda, é para nossos dias.

– Porque vivemos dias em que de fato, estamos muito sujeitos a estarmos com nosso amor esfriando.
– O mal está ao nosso redor, a iniqüidade cresce constantemente.
– Pais contra filhos e filhos contra pais. (menina de nove anos grávida de gêmeos pelo padrasto, Cristiane Risthofen manda matar o pai e a mãe por causa da herança).
– Os bancos lucram milhões por segundo e ao mesmo tempo crianças morrem de fome no outro lado do mundo.
– Religiões surgem de todos os lados e as pessoas ficam confusas à qual é a certa
– Matam em nome de Deus
– Suicídios em nome de Deus (Seita Portão do céu – 39 suicidas à No ano 2000, em Uganda, 900 mebros da seita “Movimento pela restauração dos 10 mandamentos”
– E a iniqüidade aumentando.
– Então queridos irmãos, seja sempre a nossa oração: “Senhor, não permita que meu amor por ti esfrie”.
– Mas para que isto aconteça, é fundamental vigiarmos por nós mesmos à Vigiai, pois, em todo o tempo, orando, para que sejais havidos por dignos de evitar todas estas coisas que hão de acontecer, e de estar em pé diante do Filho do homem. (Lucas 21.36)
Porque, queridos irmãos, estamos cercados por iniqüidade como nunca antes estivemos: “Vede, irmãos, que nunca haja em qualquer de vós um coração mau e infiel, para se apartar do Deus vivo”. (Hb 3.12)
Então podemos voltar às nossas 4 perguntas iniciais, começando pela primeira:
– O que significa de fato amar a Deus?
à penso que a melhor definição para esta pergunta é “Colocar a Deus em primeiro lugar nas nossas vidas, independente das circunstâncias”
– Certamente não tenho a melhor das respostas para esta pergunta, mas esta certamente é uma resposta: “Colocar a Deus em primeiro lugar nas nossas vidas, independente das circunstâncias”
– Você já pensou sobre isto?
– Quero fazer uma pergunta para você, a qual você não deve responder para os outros, somente para você: Quem está em primeiro lugar na sua vida?
– Você? Seu trabalho? Seus estudos? Dinheiro? Bens? Ser bem sucedido?
– Qual é a prioridade na sua vida?
– Muitos até dizem: há, mas eu preciso destas coisas!
É certo que sim! Todos precisamos! Mas a Palavra de Deus nos dá uma certeza: Mas, buscai primeiro o reino de Deus, e a sua justiça, e todas estas coisas vos serão acrescentadas (Mt. 6.33).
– Na minha vida cristã, tenho visto muitas pessoas padecerem exatamente naquilo que elas mais buscam.
– Quem quer ter dinheiro, trabalho, namoro, ser bem sucedido, passa quase que o tempo inteiro tentando conseguir e no final se frustra.
– Porque fez do dinheiro, do trabalho, do namoro, do ser bem sucedido, o mais importante
– Não colocou Deus em primeiro lugar.
à Independente das circunstâncias… à Isto não é fácil
– Mas o Apóstolo Paulo, usado pelo Senhor falou: Fazei todas as coisas sem murmurações nem contendas (Fp. 2.14)
– Queridos irmãos, precisamos entender que Deus está no controle. Murmurar é duvidar disto.

Nossa segunda pergunta: – Quais são as implicações disto?
à Penso que a resposta adequada a esta pergunta é “ter uma atitude que demonstre nosso amor”
– Sabemos que a salvação é pela graça: (Porque pela graça sois salvos, por meio da fé; e isto não vem de vós, é dom de Deus. Ef. 2.8)
– Mas muitas vezes não temos disposição em demonstrar gratidão por esta salvação.
– Enquanto o macumbeiro faz ponto a meia noite de sexta-feira numa esquina, adorando a um demônio, tem cristão que não vem na igreja nem uma vez por semana.
– Enquanto tem gente fazendo romaria de joelhos adorando a um ídolo mudo, tem cristão que não consegue orar 20 minutos de joelhos, porque dói.
– Enquanto muitos dançam a noite inteira de pé num bailão de kerb ou de carnaval, às vezes é difícil ficar adorando a Deus de pé por 30 minutos ou menos.
– Isto sem falar em ajudar, se dispor, evangelizar.
– Queridos, precisamos demonstrar nosso amor a Deus com atitudes.
– Não somos salvos por nada que fazemos, mas aquilo que nós fazemos demonstra que nós somos salvos.
– Amar não é só um sentimento. Amar é uma decisão. Sentimentos são breves, não durma muito.
– Não espere sentir vontade de fazer para fazer.
– Faça o que é certo, aquilo que você sabe ser certo. Não espere até sentir vontade.
– Se você esperar sentir vontade, você só irá querer fazer coisas de prazeres momentâneos.
– Quem é de vocês que diz: “oba, são duas da manhã e eu vou trabalhar”

Terceira pergunta: – É possível de fato amar a Deus de todo o coração?
– Claro que é, senão a Bíblia não nos diria para fazer.
– O primeiro princípio disto é amar a quem eu estou vendo: Se alguém diz: Eu amo a Deus, e odeia a seu irmão, é mentiroso. Pois quem não ama a seu irmão, ao qual viu, como pode amar a Deus, a quem não viu? (I Jo. 4.20)
– Em segundo lugar: Como podemos fazer isto: reconhecendo que não podemos amar por nós mesmos
– Por isso Deus nos deu o Espírito Santo
– Para nos capacitar em todas as coisas, inclusive em amá-lo – Paulo mesmo disse: Se convém gloriar-me, gloriar-me-ei no que diz respeito à minha fraqueza. (II Co. 11.30)
– Decida a amar. Faça coisas que demonstrem o teu amor.
– Mesmo que não esteja com vontade de amar decida amar
– mesmo sem vontade de cantar, decida cantar: “…ofereçamos sempre por ele a Deus sacrifício de louvor, isto é, o fruto dos lábios que confessam o seu nome.” (Hb. 13.15)

Quarta Pergunta: – Quais as recompensas advindas de amar a Deus de todo o coração?
– Ah! Tem o céu à ruas de ouro, não haverá choro nem dor, nem clamor, nem pranto.
– Aleluia! É pra lá que eu vou!
– Louvar a Deus constantemente. Estar num lugar de delícias em fim por toda a eternidade.
– Isto é o porvir.
– Mas há um detalhe ainda mais impressionante no fato de amar a Deus: nós passamos a ver a vida de outra forma.
à Em primeiro lugar, tendo nossos olhos postos na eternidade e não numa vida temporal
à Temos uma morada assegurada nos céus – Jesus disse isto – Na casa de meu Pai há muitas moradas; se não fosse assim, eu vo-lo teria dito. Vou preparar-vos lugar. (João 14.12).
à E tem a paz de Deus: Deixo-vos a paz, a minha paz vos dou; não vo-la dou como o mundo a dá. Não se turbe o vosso coração, nem se atemorize. (João 14.27)
à Andando com Jesus, além da perspectiva de vida futura, você tem muito para desfrutar hoje.
à Independente de cura, de sinais, de maravilhas, deve haver em você aquilo que te faz compreender a razão porque você está aqui.

Sidinei Egon Simon

Tags: