Inicio | Temas Bíblicos |Leia a Biblia Leia a Bíblia | Post´s em Espanhol |Doações |Contato pt Portuguese
Esta é a vida eterna: que te conheçam, o único Elohim verdadeiro, e a Yeshua o Messias, a quem enviaste. JOÃO 17:3
faceicon
JESUS CUIDA DOS PESCADORES DE ALMA

JESUS CUIDA DOS PESCADORES DE ALMA

Texto: Atos 18.9-10

Em Atos 18 encontramos o relato do grande trabalho que o apóstolo Paulo desenvolveu na cidade de Corinto, onde permaneceu por dezoito meses ganhando vidas e discipulando. Como geralmente fazia, em Corinto o apóstolo usou sua estratégia de começar pregando o Evangelho aos judeus na sinagoga da cidade. Os versos 5 e 6 relatam o empenho de Paulo em mostrar-lhes que Jesus era o Cristo.

Nem todos reconhecem o Evangelho como uma pérola de grande valor. Durante alguns sábados o apóstolo usou da oportunidade que lhe deram para ministrar aos judeus. Houve conversões por parte de judeus e também alguns gregos. Porém, logo os judeus incrédulos tornaram impossível a permanência de Paulo junto deles. O texto relata que tais judeus amaldiçoaram o apostolo e forçaram-no a sair. Antes de ir embora, Paulo lhes declarou: Estou livre da minha responsabilidade (v. 6).

É exatamente isto que o Novo Testamento ensina; que anunciar o Evangelho é nossa responsabilidade. Somos Povo de Deus e devemos falar e testemunhar de Deus àqueles que ainda não O conhecem: vocês são… povo exclusivo de Deus, para anunciar as grandezas daquele que os chamou das trevas para a sua maravilhosa luz. (I Pe 2.9). Aos próprios coríntios, Paulo escreveu que se sentia na obrigação de pregar o Evangelho: quando prego o Evangelho não posso me orgulhar, pois me é imposta a necessidade de pregar. Ai de mim se não pregar o Evangelho! (I Co 9.16).

A Parábola da Pérola de Grande Valor (Mt 13.45,46) retrata as pessoas que quando alguém lhes apresenta o Evangelho são tomados de fé e logo se entregam de todo o coração a Jesus. Porém, há outros que, conforme a narrativa de Atos, não percebem nenhuma preciosidade e ainda respondem com ira ao invés de fé. Você se lembra de que o próprio Jesus falou sobre o “problema” de dar “pérolas aos porcos” – um porco não dá a mínima para uma pérola.

Louve a Deus com seus discípulos porque vocês reconhecem a preciosidade da pérola e se dispuseram a adquiri-la de todo o coração.

Apesar das dificuldades, pregue o Evangelho! Neste texto de Atos 18 o que mais chama a atenção é a ministração que o próprio Senhor Jesus faz à alma do apóstolo Paulo. Os versos 9 e 10 contam que em certa noite o Senhor veio a Paulo numa visão e trouxe um bálsamo para ele. Saiba que todo servo que se dispõe a fazer o que Deus quer, recebe em contrapartida um tratamento vip da parte dEle.

Creio que Paulo estava às portas de entrar numa crise. Ele já passara por dificuldades anteriormente e agora parecia que as perseguições por parte dos judeus incrédulos iriam se reproduzir. Porém, Jesus entrou em ação e trouxe bálsamo para a alma do apóstolo. As palavras que Jesus pronunciou contém remédio também para nós.

a) Não tenha medo. Você consegue imaginar Paulo com medo? Pois, certamente, ele lutava contra este inimigo terrível que é o medo. Ele precisou que o próprio Senhor ministrasse à sua alma esta palavra, a mesma que tantos outros homens de Deus do passado também precisaram. Hoje, esta palavra é para seu coração: não tenha medo! Fazendo o que Ele quer que você faça, não há por que temer. O medo é paralisante.
b) Continue falando, não se cale. A nossa boca ungida é uma ferramenta poderosa nas mãos de Deus para quebrar corações e torna-los rendidos aos pés de Jesus. Não desista de falar do Evangelho. Aos romanos o apóstolo Paulo escreveu que a fé que salva é resultado de se ouvir a Palavra. Na seqüência, Paulo pergunta: como alguém poderá ouvir a Palavra se ninguém lhe pregar? Há muitas pessoas que dependem da nossa pregação para ouvir e crer (Rm 10.14).
c) Estou com você e ninguém vai lhe fazer mal ou feri-lo. Não podemos perder a presença do Senhor. Você precisa manter a presença do Senhor em sua vida, como Paulo. Esta presença é garantia de vitória. Um dos textos mais tristes das Escrituras é Juízes 16.20, sobre Sansão: Mas não sabia que o Senhor o tinha deixado. O que pode ser pior do que isto? Não abra mão da presença do Espírito de Deus em sua vida!
d) Porque tenho muita gente nesta cidade. O Senhor avisa Paulo de que muitos iriam se converter em Corinto. O mesmo o Senhor assegura a você e aos discípulos de sua célula; Ele tem muita gente que ainda vai se converter em nossa cidade e em toda a região. E nós seremos os instrumentos dEle para levar a Palavra a estas pessoas.

Louve a Deus com seus discípulos pelo privilégio que vocês têm de conhecer e anunciar o Evangelho de Jesus. Declare com eles que vocês rejeitam todo e qualquer medo em suas vidas e que desejam falar de Jesus a muitas pessoas. Peça fervorosamente ao Espírito Santo que encha cada discípulo com mais da Sua presença. Leve-os a declarar a Deus que não abrem mão da Sua presença. Também declare com os discípulos que estão disponíveis para serem instrumentos de Deus na pesca de muitas almas para Ele nesta cidade.

Dê oportunidade ao novos de entregarem suas vidas a Jesus.

Na unção da conquista de muitos frutos fiéis,

Seus pastores.

MINISTÉRIO MANANCIAL DE VIDA PARA AS NAÇÕES
IGREJA BATISTA VIDA NOVA
www.ibvidanova.org.br

SÉRIE: ATOS HOJE

ESTUDO 7: JESUS CUIDA DOS PESCADORES DE ALMA

Texto: Atos 18.9-10

Tags: