Inicio | Temas Bíblicos |Leia a Biblia Leia a Bíblia | Post´s em Espanhol |Doações |Contato pt Portuguese
Esta é a vida eterna: que te conheçam, o único Elohim verdadeiro, e a Yeshua o Messias, a quem enviaste. JOÃO 17:3
faceicon
O casamento do Cordeiro Yeshua

O casamento do Cordeiro

Yeshua (Jesus) disse as seguintes palavras: “E digo-vos que, desde agora, não beberei deste fruto da vide, até aquele dia em que o beba novo convosco no reino de meu Pai,” Mt 26.29. É uma das passagens usadas para dizer que as Bodas do Cordeiro ocorrerão no Céu. Mas vejamos o que Lucas registrou a respeito dessa passagem: “Porque vos digo que já não beberei do fruto da vide, até que venha o reino de Deus,” Lc 22.18. Observe então que o Reino de Deus é algo que virá, que será estabelecido aqui. É isso que concluímos quando observamos as palavras de registradas por Mateus com as palavras que Lucas registrou e somamos tudo com o contexto geral das Escrituras. A profecia de Isaías revela que as Bodas serão aqui na Terra no Monte de Sião, ou seja, em Jerusalém: “E o Senhor dos Exércitos dará neste monte a todos os povos uma festa com animais gordos, uma festa de vinhos velhos, com tutanos gordos, e com vinhos velhos, bem purificados. E destruirá neste monte a face da cobertura, com que todos os povos andam cobertos, e o véu com que todas as nações se cobrem,” Is 25.6,7. Compare a retirada do véu das nações com a ocasião em que o noivo retira o véu do rosto da noiva no casamento.

O problema é que as pessoas estão acostumadas a achar que a expressão” Reino do Meu Pai” significa o Céu, mas na oração que Yeshua nos ensinou diz “Venha o Teu Reino”. Ou seja, o Reino de Deus será aqui. É o Reino do Messias, que terá Jerusalém como centro, conforme foi prometido: “Eis que vêm dias, diz o SENHOR, em que levantarei a Davi um Renovo justo; sendo rei, reinará, e prosperará, e praticará o juízo e a justiça na terra.” (Jr. 23:5) “Jerusalém está edificada como uma cidade bem sólida…pois ali estão os tronos do juízo, os tronos da casa de Davi.” (Sl. 122:3,5). O mundo passará para uma limpeza para que o Reino seja estabelecido. “Mandará o filho do homem os seus anjos, e eles colherão do seu Reino tudo o que causa escândalo e os que cometem iniqüidade. E lançá-los-ão na fornalha do fogo; ali, haverá pranto e ranger de dentes. Então os justos resplandecerão como o sol, no Reino de seu pai. Quem tem ouvidos para ouvir que ouça.”(Mt. 13: 36- 43).

Quem será levado e quem será deixado? – Analisemos a passagem: “E, como foi nos dias de Noé, assim será também a vinda do Filho do homem. Porquanto, assim como, nos dias anteriores ao dilúvio, comiam, bebiam, casavam e davam-se em casamento, até ao dia em que Noé entrou na arca, E não o perceberam, até que veio o dilúvio e levou a todos. Assim será também a vinda do Filho do homem. Então, estando dois no campo, será levado um, e deixado o outro; Estando duas moendo no moinho, será levada uma, e deixada outra.” Mt 24:37-41. Observe: Yeshua diz que o dilúvio LEVOU a todos os ímpios. E em seguida diz uns serão LEVADOS e outros deixados. Quem foi levado? Os perdidos. E quem permaneceu na Terra? Os salvos na arca.

Vejamos agora o que diz um dos textos usados para defender a crença na vida celestial: “Na casa de meu Pai há muitas moradas; se não fosse assim, eu vo-lo teria dito. Vou preparar-vos lugar. E quando eu for, e vos preparar lugar, virei outra vez, e vos levarei para mim mesmo, para que onde eu estiver estejais vós também.” João 14:2,3. Jesus não está aí prometendo vida celestial a ninguém. Ele está dizendo que na casa do Pai há muitas moradas, referindo-se a Nova Jerusalém. E o que o livro de Apocalipse diz sobre a Nova Jerusalém? Diz que ela descerá do céu! Não somos nós que vamos até ela, é ela que virá até nós. “A quem vencer, eu o farei coluna no templo do meu Deus, e dele nunca sairá; e escreverei sobre ele o nome do meu Deus, e o nome da cidade do meu Deus, A NOVA JERUSALÉM, QUE DESCE DO CÉU, do meu Deus, e também o meu novo nome.” (Ap 3.12). “E eu, João, vi a santa cidade, A NOVA JERUSALÉM, QUE DE DEUS DESCIA DO CÉU, adereçada como uma esposa ataviada para o seu marido.” (Ap 21:2).

TEXTO PARA MEDITAÇÃO: “E acontecerá nos últimos dias que se firmará o monte da casa do Senhor no cume dos montes, e se elevará por cima dos outeiros; e concorrerão a ele todas as nações. E irão muitos povos, e dirão: Vinde, subamos ao monte do Senhor, à casa do Deus de Jacó, para que nos ensine os seus caminhos, e andemos nas suas veredas; porque de Sião sairá a Lei, e de Jerusalém a palavra do Senhor. E ele julgará entre as nações, e repreenderá a muitos povos; e estes converterão as suas espadas em enxadões e as suas lanças em foices; uma nação não levantará espada contra outra nação, nem aprenderão mais a guerrear.” Isaías 2:2-4

Texto de: Ninho Jensen

https://www.facebook.com/permalink.php?story_fbid=574006316085473&id=513113555508083&substory_index=0

Tags: