Inicio | Temas Bíblicos |Leia a Biblia Leia a Bíblia | Post´s em Espanhol |Doações |Contato pt Portuguese
Esta é a vida eterna: que te conheçam, o único Elohim verdadeiro, e a Yeshua o Messias, a quem enviaste. JOÃO 17:3
faceicon
O crente deve ser honesto

O crente deve ser honesto

Introdução: Nos tempos do fim, o crente precisa ser cuidadoso com seu caráter cristão. Há uma proposta mundana, propalada diuturnamente pelos porta-vozes do maligno, de que basta ter boas intenções que Deus entende e faz vista grossa aos nossos atos abomináveis. Seria isso verdadeiro? Onde ficaria a moral do servo de Deus? O crente deve ser honesto!
1 – COM SUA CONSCIÊNCIA. Paulo declarou: E, pondo Paulo os olhos no conselho, disse: Varões irmãos, até ao dia de hoje tenho andado diante de Deus com toda a boa consciência (At 23. 1). Não ter do que se envergonhar. Paulo não deixava desentendimentos em oculto. Antes, rejeitamos as coisas que, por vergonha, se ocultam, não andando com astúcia nem falsificando a palavra de Deus; e assim nos recomendamos à consciência de todo homem, na presença de Deus, pela manifestação da verdade (II Co4. 2). Isto é tranqüilidade de alma.
2 – COM SEUS NEGÓCIOS. Lemos sobre o assunto: Ninguém oprima ou engane a seu irmão em negócio algum, porque o Senhor é vingador de todas estas coisas, como também, antes, vo-lo dissemos e testificamos (I Ts 4. 6). Proceder com lisura nas transações comerciais. Guardar-se de obter vantagens inapropriadas. A lei de Deus proclama: Não furtarás (Ex 20. 15). Não usar de estratégias mundanas para conseguir enganar o próximo: Nada vale, nada vale, dirá o comprador, mas, indo-se, então, se gabará (Pv 21. 14).
3 – COM SUAS PALAVRAS. Cultivar a confiabilidade. A orientação de Paulo é: Pelo que deixai a mentira e falai a verdade cada um com o seu próximo; porque somos membros uns dos outros (Ef 4. 25). O Senhor Jesus Cristo ensinou: Eu, porém, vos digo que, de maneira nenhuma, jureis nem pelo céu, porque é o trono de Deus, nem pela terra, porque é o escabelo de seus pés, nem por Jerusalém, porque é a cidade do grande Rei, nem jurarás pela tua cabeça, porque não podes tornar um cabelo branco ou preto. Seja, porém, o vosso falar: Sim, sim; não, não, porque o que passa disso é de procedência maligna (Mt 5. 34-37). O crente deve honrar seus compromissos: Sê o exemplo dos fiéis, na palavra, no trato, na caridade, no espírito, na fé, na pureza (I Tm 4. 12). A pessoa “sem palavra” é rejeitada e comentada negativamente até pelos amigos.
4 – COM SUA FAMÍLIA. Ser honesto com a família é zelar dela; é viver em função de seu bem-estar. Que governe bem a sua própria casa, tendo seus filhos em sujeição, com toda a modéstia (I Tm 3. 4). Ser fiel ao cônjuge: Bebe a água da tua cisterna e das correntes do teu poço. Derramar-se-iam por fora as tuas fontes, e pelas ruas, os ribeiros de águas? Sejam para ti só e não para os estranhos contigo (Pv 5. 15-17). É honrar os pais: Vós, filhos, sede obedientes a vossos pais no Senhor, porque isto é justo. Honra a teu pai e a tua mãe, que é o primeiro mandamento com promessa, para que te vá bem, e vivas muito tempo sobre a terra (Ef 6. 1-3). Um lar harmonioso requer sacrifício e renúncias.
5 – COM SUA FÉ. Trazendo à memória a fé não fingida que em ti há, a qual habitou primeiro em tua avó Lóide e em tua mãe Eunice, e estou certo de que também habita em ti (II Tm 1. 5). Esta palavra enfoca a vida espiritual como um todo. Especialmente Timóteo sendo obreiro de Cristo. É o que seu amigo e conselheiro esclareceu: Ora, o fim do mandamento é a caridade de um coração puro, e de uma boa consciência, e de uma fé não fingida (I Tm 1. 5). A congregação imitará seu pastor. A fé falsificada depõe contra o evangelho, mas quem assim procede escandaliza o reino de Deus. E disse aos discípulos: É impossível que não venham escândalos, mas ai daquele por quem vierem! Melhor lhe fora que lhe pusessem ao pescoço uma pedra de moinho, e fosse lançado ao mar, do que fazer tropeçar um destes pequenos (Lc 17. 1-2). Evitemos a todo custo procedimentos feios!
Conclusão: O crente honesto brilha sem fazer barulho. Conquista imitadores pela força do caráter de Cristo Jesus que nele está.

Escrito por: Pr. Odair Alves de Oliveira

Tags: