Inicio | Temas Bíblicos |Leia a Biblia Leia a Bíblia | Post´s em Espanhol |Doações |Contato pt Portuguese
Esta é a vida eterna: que te conheçam, o único Elohim verdadeiro, e a Yeshua o Messias, a quem enviaste. JOÃO 17:3
faceicon
O ESPIRITO DE NABAL

O ESPIRITO DE NABAL

O ESPIRITO DE NABAL
A Bíblia nos relata sobre um homem chamdo Nabal, homem abastado em Maon. Homem, mau carater, beberrão, maligno e duro em todo seu trato.
O significado do nome Nabal é tolo, mau, sem juízo, louco.
O que é loucura? Segundo o dicionario, o termo loucura significa alienação mental, insensatez, imprudencia, doidice, ato irrefletido.
A loucura está aonde? A loucura está ao nosso redor.
Ao longo dos anos, nos deparamos com gente assim pela vida, em famílias, nas vizinhanças, nos condomínios, nos empregos e até mesmo agindo dentro das igrejas, se manifestando com enorme ingratidão, maldade e ódio através até mesmo de vidas de crentes que possuem as característicaso deste homem (I Samuel 25) chamado Nabal.
Nabal o “Louco” e a loucura estava com ele, ou seja, Nabal era um homem totalmente influenciado e guiado pela loucura e pela dureza de coração.
Este espírito de loucura, ou seja, espírito de Nabal tem intensificado suas ações usando pessoas e até crentes que têm se comportado loucamente, quebrando princípios, alianças, a ética, agindo egocentrincamente e ferindo aqueles que possuem um censo de compromisso com a verdade da Palavra de Deus.
Temos sido testemunhas de atos de loucuras em toda parte, basta abrirmos os jornais, acompanharmos as noticias para percebemos que quem impera é o espirito de Nabal.
Vejamos algumas caracteristicas deste espírito:
A) O espírito de Nabal é inflexível e maligno nas suas ações

Quantas vezes nos deparamos com pessoas, familiares, e até lideres com estas características negativas! Quantos crentes têm agido com maldade com seus irmãos e até com os incrédulos? Quantos crentes têm sido duros no seu tratar com as pessoas, escandalizando e envergonhando o nome de Jesus? O mestre nos deixou exemplos de humildade, bondade e mansidão “… e aprendei de mim que sou ou manso e humilde de coração…” (Mt. 11.29). Quantos têm deixado este espírito controlar seus temperamentos?

B) O espírito de Nabal é egoísta e auto-suficiente:

“A soberba precede à ruína; e o orgulho, à queda. (Prov 16,18) Atitudes soberbas de quem não coloca o Reino de Deus em primeiro lugar, que só pensam em si mesmos e em coisas materiais podem ser indícios de quem pode estar sendo influenciado pelo espírito de Nabal. É loucura… crentes que não reconhecem os feitos dos outros e que possuem séria dificuldade para perdoar e pedir perdão.
Somente o que fazem é certo, bom, correto, melhor, interessante. Isso é Nabal, isso é loucura. A soberba, orgulho, altivez de espirito, estes não dão à devida atenção as suas debilidades e não se preocupam em enxergar antecipadamente as suas pedras de tropeço, pensam que estão acima das outras pessoas, assim enganam-se facilmente provocando a sua própria ruína. Sem Deus nada somos e nada podemos.

C) O Espírito de Nabal não respeita as autoridades
Em Romanos 13.1 diz que “todo homem esteja sujeito à autoridade”, porque Todas as autoridades são estabelecidas por Deus.

Geralmente pessoas com influências do espírito de Nabal, além de não respeitar autoridades, são pessoas sem educação, rudes, gorsseiras, estúpidas, arrogantes, insubmissas que destratam todos a seu redor.
Agarram-se nas frases: “Falo isso porque sou franco”. Coisa nenhuma! Isso não é franqueza, mas é falta de educação, é demonstração de um caráter que não se deixa discipular; mente cauterizada e desprovida da palavra de Deus.

D) O espírito de Nabal é ingrato e intratável:

Quem possui espirito de Nabal é ingrato porque se esquece muito fácil de que o ajudou, amparou e estendeu a mão. É ingrato porque cospe no prato que comeu. É ingrato porque é prepotente. Não reconhece o livramento de Deus. Não reconhece o próprio umbigo. É intratável porque é surdo espiritualmente. Vive mais na espera da razão do que da fé. Possui dificuldade para ouvir a verdade, mas busca para si doutores conforme a sua concupiscência. Fala muito e não faz nada para Deus.

E) O Espírito de Nabal paga o bem com o mal:

Quanto àquele que paga o bem com o mal, não se apartará o mal da sua casa.
Provérbios 17.13
Estas pessoas(Nabal) costumam retribuir o que há em seu coração. Não agradece o que os outros lhe fazem e é injusto nos seus julgamentos.

F) O espírito de Nabal é espírito de loucura:

“O sábio de coração aceita os mandamentos, mas o insensato de lábios vem a arruinar-se.” Prov. 10:8.
A pessoa que age através do espírito de Nabal é louco por natureza, como o próprio nome (Nabal). Não tem disposição para mudar. Seu caráter é alicerçado na loucura. Prefere ficar do lado do erro somente para afrontar aqueles que vivem na verdade. Em diversos versículos da Bíblia podem ser encontrados sobre este tal coração. A palavra “coração” está no mesmo sentido de pensamento, jeito e modo de agir em relação a a
G) O espírito de Nabal é um espírito de coração maldoso e um espírito de afronta:

As atitudes deste espírito e daqueles que são influenciados por ele são atitudes satãnicas, de vingança ou de coração mal. É lamentável dizer, mas há muitos crentes que possuem um caráter mau, cujas ações são verdadeiramente diabólicas. Ficam na expectativa de vingar-se do seu próprio irmão em Cristo, quando houver a primeira chance.
Suas loucuras, muitas vezes são afrontas com o objetivo de destruir o justo. Lançam setas venenosas de críticas e ódio. É loucura! Ter um coração maldoso significa desejar que alguém que nos fez um mal pague por aquilo. Devemos ter um coração puro.

H) O espírito de Nabal é um espírito destinado a juízo de morte:

1 Sm 25: 37 “Sucedeu, pois, que pela manhã estando Nabal já livre do vinho, sua mulher lhe deu a entender aquelas coisas; e se amorteceu o seu coração, e ficou ele como pedra. E aconteceu que, passados quase dez dias, feriu o Senhor a Nabal, e este morreu”.
Os que possuem espírito de Nabal já estão destinados a juízo de morte, se não se arrependerem de suas loucuras. O Senhor não deixará impunes aqueles que afrontam o justo, nem aqueles que são ingratos. O que não respeita autoridades possui o princípio de satanás.(Sindrome de Lucefer, mas isso é para outro estudo).
O próprio Deus se encarregará do juízo.
Da mesma forma como Deus falou a Davi e puniu severamente a Nabal, Ele fará nos dias de hoje. “A melhor coisa que podemos fazer é permanecer firmes nos princípios da Palavra de Deus”.

Deus abençoe a todos!!!!!!!!!!!!

Escrito por: Cida Augusto

Tags: