Inicio | Temas Bíblicos |Leia a Biblia Leia a Bíblia | Post´s em Espanhol |Doações |Contato pt Portuguese
Esta é a vida eterna: que te conheçam, o único Elohim verdadeiro, e a Yeshua o Messias, a quem enviaste. JOÃO 17:3
faceicon
O QUE É SER UM DISCÍPULO

O QUE É SER UM DISCÍPULO

Introdução

Jesus não apenas informou e ensinou. Ele formou discípulos. A Igreja do Senhor Jesus é composta de discípulos .

Jesus sempre teve a multidão ao seu redor, mas Ele não se iludia com a multidão, Pois a multidão vem e vai ( é como freguesia de centro, nunca é a mesma ). Mas Ele se dedicou a um grupo pequeno de pessoas, próximas a Ele, que estavam dispostos a tudo por Ele: OS DISCÍPULOS.

Jesus procurou enraizar neles a visão do Pai e fez dos discípulos pessoas capazes de dar continuidade a sua obra. Através de um relacionamento intenso com o Mestre os discípulos aprenderam tudo e aplicaram da mesma maneira à Igreja.

Não vamos encontrar na bíblia as palavras “membro de igreja” como referência aos cristãos e sim discípulos. Sempre que a Igreja estava reunida, ali estavam reunidos os discípulos de Jesus.

Mesmo antes de Jesus a Bíblia nos mostra pessoas que tinham um relacionamento de discípulos.

Moisés e Josué

Ex 24:13
“E levantando-se Moisés com Josué, seu servidor, subiu ao monte de Deus”

Ex 33:11
“E falava o Senhor a Moisés face a face, como qualquer fala com o seu amigo. Depois tornava Moisés ao arraial; mas o seu servidor, o mancebo Josué, filho de Num, não se apartava da tenda.”

Nm 27:18-21
“Então disse o Senhor a Moisés: Toma a Josué, filho de Num, homem em quem há o Espírito, e impõe-lhe a mão; e apresenta-o perante Eleazar, o sacerdote, e perante toda a congregação, e dá-lhe a comissão à vista deles; e sobre ele porás da tua glória, para que lhe obedeça toda a congregação dos filhos de Israel.”

Elias e Eliseu

II Re 2:1-9
Disse Elias a Eliseu: Fica-te aqui, porque o Senhor me envia a Betel. Eliseu, porém disse: Vive o Senhor, e vive a tua alma, que não te deixarei. E assim desceram a Betel. Então os filhos dos profetas que estavam em Betel saíram ao encontro de Eliseu, e lhe disseram: Sabes que o Senhor hoje tomará o teu senhor por sobre a tua cabeça? E ele disse: Sim, eu o sei; calai-vos. E Elias lhe disse: Eliseu, fica-te aqui, porque o Senhor me envia a Jerico. Ele, porém, disse: Vive o Senhor, e vive a tua alma, que não te deixarei. E assim vieram a Jericó. Então os filhos dos profetas que estavam em Jericó se chegaram a Eliseu, e lhe disseram: Sabes que o Senhor hoje tomará o teu senhor por sobre a tua cabeça? E ele disse: Sim, eu o sei; calai-vos. E Elias lhe disse: Fica-te aqui, porque o senhor me envia ao Jordão. Mas ele disse: Vive o Senhor, e vive a tua alma, que não te deixarei. E assim ambos foram juntos. E foram cinqüenta homens dentre os filhos dos profetas, e pararam defronte deles, de longe; e eles dois pararam junto ao Jordão. Então Elias tomou a sua capa e, dobrando-a, feriu as águas, as quais se dividiram de uma à outra banda; e passaram ambos a pé enxuto. Havendo eles passado, Elias disse a Eliseu: Pede-me o que queres que eu te faça, antes que seja tomado de ti. E disse Eliseu: Peço-te que haja sobre mim dobrada porção de teu espírito.”

Is 50:4
“O Senhor Deus me deu a língua dos instruídos para que eu saiba sustentar com uma palavra o que está cansado; ele desperta-me todas as manhãs; desperta-me o ouvido para que eu ouça como discípulo.”

O que é um discípulo ?

 É aquele que crê em tudo que Cristo disse e faz tudo que Cristo manda.

Aquele que creu, se arrependeu, foi batizado e recebeu o Dom do Espírito Santo a bíblia chama de discípulo.

É importante entender que no contexto do Novo Testamento não existe uma pessoa que seja convertida e não seja discípulo.

Salvo, convertido, discípulo, todos são termos que se referem a uma mesma pessoa. Cada um desses termos tem um sentido diferente, mas são aplicados a uma mesma pessoa.

A palavra convertido aparece 2 vezes no VT
A palavra crente aparece 15 vezes no NT
A palavra discípulo aparece 3 vezes no VT e 258 vezes no NT
( Evangélico não aparece em lugar nenhum )

• Salvo : o que foi libertado do poder de da condenação do pecado.
• Convertido: o que mudou de atitude e mentalidade ( transformação de mente )
• Discípulo : o seguidor , praticante dos ensinos do mestre, submisso.
• Crente : aquele que crê

É comum encontrarmos pessoas que se dizem convertidas, crêem sinceramente que são salvas, mas se você perguntar se elas desejam se submeter e obedecer a Cristo em tudo vão dizer : “ainda não…” , “talvez um dia em me consagre totalmente…” .

Isto é uma grande contradição, pois como alguém pode se considerar salvo ou convertido se ainda não se entregou total e incondicionalmente a Jesus Cristo para viver em total obediência a Ele, renunciando a tudo quanto tem e até sua própria vida.

 Um convertido é mais do que um crente, é um discípulo.

Mt 9:9
“Partindo Jesus dali, viu sentado na coletoria um homem chamado Mateus, e disse-lhe: Segue-me. E ele, levantando-se, o seguiu.”

• Se entregou completamente, largou tudo que estava fazendo e seguiu.

Mt 7:21
“Nem todo o que me diz: Senhor, Senhor! entrará no reino dos céus, mas aquele que faz a vontade de meu Pai, que está nos céus.”

• É necessário obedecer, fazer a vontade do Pai.

Lc 14:33
“Assim, pois, todo aquele dentre vós que não renuncia a tudo quanto possui, não pode ser meu discípulo.”

• Renunciar a tudo

Lc 14:26
“Se alguém vier a mim, e não aborrecer a pai e mãe, a mulher e filhos, a irmãos e irmãs, e ainda também à própria vida, não pode ser meu discípulo.”

• Perder a própria vida

Isso não significa que temos que ser perfeitos para seguir a Jesus, mas sim devemos nos colocar totalmente sob o seu governo e obedecê-lo

Existe hoje em meio a Igreja um espírito de falsa profecia, semelhante ao que havia em Israel nos tempos de Jeremias, quando o povo estava sob condenação de Deus por causa de sua rebelião, e os falsos profetas diziam que todos estavam em paz com Deus, levando o povo ao auto engano.

Jr 6:14
“Também se ocupam em curar superficialmente a ferida do meu povo, dizendo: Paz, paz; quando não há paz.”

Jr 23:16-17
“Assim diz o Senhor dos exércitos: Não deis ouvidos as palavras dos profetas, que vos profetizam a vós, ensinando-vos vaidades; falam da visão do seu coração, não da boca do Senhor. Dizem continuamente aos que desprezam a palavra do Senhor: Paz tereis; e a todo o que anda na teimosia do seu coração, dizem: Não virá mal sobre vós.”

Deus, nestes dias está restaurando as realidades básicas do Evangelho do Reino para que se cumpram as palavras proféticas dadas por Malaquias.

Ml 3:18
“Então vereis outra vez a diferença entre o justo e o ímpio; entre o que serve a Deus, e o que o não serve.”

Se alguém pretende ser salvo ou convertido sem se tornar um discípulo, não encontrou tal pretensão nas escrituras.

 Todo salvo é um discípulo, ninguém é salvo se não for discípulo.

Podemos nos referir a uma pessoa que está no Reino de Deus usando qualquer um dos termos que aparecem nas escrituras, mas devemos nos acostumar a usar o termo discípulo porque:

1) É o Termo mais abrangente, que expressa com mais exatidão a realidade de vida de alguém que pertence ao Reino de Deus.
2) É o termo que Jesus, os apóstolos e os nossos primeiros irmãos escolheram.

O primeiro nível de relacionamento com Jesus é Senhor

Se perguntarmos por ai:
“Quem quer ser amigo de Jesus Cristo?”
Certamente a maioria responderia “ sim eu quero”

E é isso que a Igreja de um modo geral tem pregado.

Mas se olharmos para Jesus veremos que não era assim que ele fazia
Ex.: Zaqueu, Mateus ( Levi ).

Vemos que o primeiro nível de relacionamento que as pessoas tinham com Jesus não era amigo; e sim Senhor .

O servo nunca diz não, ele obedece a todas as ordens. Ele nunca pode dizer :
“Agora não …” , “não estou com vontade…”

O servo nunca diz NÃO SENHOR
( Ex.: Pedro e a visão do lençol – “Não Senhor , de modo nenhum” )

Nossa posição deve ser de servos inúteis Lc 17:7-10

 Eles eram os servos e Jesus o Senhor. E tinham um relacionamento intenso de Senhor e servos, no qual Jesus ia formando as suas vidas através de exemplos , experiências, tarefas. Eles por sua vez observavam Jesus em tudo, vendo, ouvindo, perguntando e obedecendo todas as suas ordens.

Somente mais tarde, depois de quase três anos Jesus começa a chamá-los de amigos.

Jo 15:14-15
“Vós sois meus amigos, se fizerdes o que eu vos mando. Já não vos chamo servos, porque o servo não sabe o que faz o seu senhor; mas chamei-vos amigos, porque tudo quanto ouvi de meu Pai vos dei a conhecer.”

• É interessante observar que o relacionamento de amigo é conseqüência do relacionamento de Senhor e servos.
• Um não anula o outro. Jesus é nosso amigo e nós somos seus amigos, mas antes Ele é nosso Senhor e nós somos seus servos.

 O Senhorio de Jesus vem sempre antes da amizade

Quando nós nos tornamos verdadeiros discípulos ?

Mt 4:18-22
“E Jesus, andando ao longo do mar da Galiléia, viu dois irmãos – Simão, chamado Pedro, e seu irmão André, os quais lançavam a rede ao mar, porque eram pescadores. Disse-lhes: Vinde após mim, e eu vos farei pescadores de homens. Eles, pois, deixando imediatamente as redes, o seguiram. E, passando mais adiante, viu outros dois irmãos -Tiago, filho de Zebedeu, e seu irmão João, no barco com seu pai Zebedeu, consertando as redes; e os chamou. Estes, deixando imediatamente o barco e seu pai, seguiram-no.”

Imagine você nesta situação:
Você está no seu serviço e Jesus chega e dá essa ordem. : “ Largue tudo e me siga ”.

É loucura. Eles nem perguntaram para onde iam. Mas estava evidente que era uma ordem do SENHOR.

Quando eles se tornaram discípulos ?
 Quando eles passaram a seguir as ordens de Jesus. ( ordem é ordem e não pedido )

Quando é que nós nos tornamos discípulos de Jesus ?
 Quando aceitamos seu chamado de maneira incondicional e começamos a obedecer sua palavra.

Isso se demonstra de maneira prática em nossas vidas:
• Batismo
• Obediência a Palavra de Deus
As cinco características de um discípulo

Existem cinco características que Jesus quer ver em todos os seus discípulos.

1) Amar a Jesus sobre todas as coisas

Lc 14:26
“Se alguém vier a mim, e não aborrecer a pai e mãe, a mulher e filhos, a irmãos e irmãs, e ainda também à própria vida, não pode ser meu discípulo.”

• Jesus não admite o segundo lugar em nada.
• Aborrecer  amar menos
• Não significa deixar de amar, e sim amar mais a Jesus.
• Quando o discípulo tem que optar ele sabe por quem optar.
( Ex.: Tragam-me algo parecido com Jesus … )

2) Renunciar a tudo quanto tem

Lc 14:33
“Assim, pois, todo aquele dentre vós que não renuncia a tudo quanto possui, não pode ser meu discípulo.”

• Bens ( muitos amam aquilo que desejam ter )
• Projetos e idéias
• Tempo
• Como você tem usado seu tempo ?
• É Jesus quem governa o seu tempo ?
• Devemos saber como usar o nosso tempo para a glória de Deus.

Os discípulos passavam todo o seu tempo com Jesus.
Ex.: Mc 4 a 7
• Acalma a tempestade
• Expulsa demônios
• Cura a filha de Jairo
• Cura uma mulher no caminho
• Percorrem várias aldeias
• Alimenta uma multidão, etc
Foram 4 dias. Os discípulos quase não dormiram, não comeram, atravessaram o mar e andaram a pé cerca de 100Km

3) Obediência à Palavra de Deus

Jo 8:31
“Dizia, pois, Jesus aos judeus que nele creram: Se vós permanecerdes na minha palavra, verdadeiramente sois meus discípulos”

• Permanecer na palavra
• Ouvir e obedecer.
• Não basta só acreditar , achar bonitas as coisas que ele fala. É preciso conhecer sua palavra e obedecer a sua palavra.
“E por que me chamais: Senhor, Senhor, e não fazeis o que eu vos digo?” Lc 6:46

O conhecimento e a prática da Palavra de Deus devem ser notórios na vida dos discípulos.

4) Amar como Ele amou

Jo 13:34-35
“Um novo mandamento vos dou: que vos ameis uns aos outros; assim como eu vos amei a vós, que também vós vos ameis uns aos outros. Nisto conhecerão todos que sois meus discípulos, se tiverdes amor uns aos outros.”

• Amar com o amor de Jesus
• Amar com amor ágape ( amor incondicional , não espera retorno )
• Amar os irmãos
• Amar o próximo
• Amar os inimigos
• amor deve ser a nossa principal motivação
• Expressar o amor de Jesus através de nossas atitudes. ( prática e não sentimento )

Ef 2:9  “… não por obras…”
Ef 210  “… criados em Cristo Jesus para boas obras…”

Assim é que nós conhecemos os que são discípulos de Jesus

• Se eu sou discípulo eu amo.
• Se eu amo eu sou discípulo.

5) Multiplicar a vida de Jesus

Jo 15:7-8
“Se vós permanecerdes em mim, e as minhas palavras permanecerem em vós, pedi o que quiserdes, e vos será feito. Nisto é glorificado meu Pai, que deis muito fruto; e assim sereis meus discípulos.”

 Dar frutos  reproduzir a vida de Jesus primeiramente em nós depois nas outras pessoas. Não é o fruto do espírito, é ganhar discípulos para Cristo.

Jo 15:16
“Vós não me escolhestes a mim mas eu vos escolhi a vós, e vos designei, para que vades e deis frutos, e o vosso fruto permaneça, a fim de que tudo quanto pedirdes ao Pai em meu nome, ele vo-lo conceda”

O fruto é o resultado de estarmos na videira
• O discípulo permanece em Jesus
• A palavra permanece no discípulo
• O discípulo dá fruto
• O fruto permanece.

 Frutificar é conseqüência de uma vida sob o governo de Jesus

Não só o fruto , mas só conseguiremos ser verdadeiros discípulos de Jesus se estivermos nele. Obedecendo a Ele, servindo a Ele, envolvidos com ele.

Frutificar ( fazer discípulos ) é uma ordem expressa de Jesus:

A ordem que Jesus nos deu

Mt 28:18-20
“E, aproximando-se Jesus, falou-lhes, dizendo: Foi-me dada toda a autoridade no céu e na terra. Portanto ide, fazei discípulos de todas as nações, batizando-os em nome do Pai, e do Filho, e do Espírito Santo; ensinando-os a observar todas as coisas que eu vos tenho mandado; e eis que eu estou convosco todos os dias, até a consumação dos séculos.”

Esta foi a última palavra de Jesus aos seus discípulos. Até parece que este é o ponto mais alto do Novo Testamento. É como se o senhor estivesse todo o tempo preparando o terreno para dar esta palavra. Depois de fazer tudo o que o Pai lhe encomendara, finalmente o Senhor podia dar esta ordem:

 Fazei discípulos de todas as nações.

Podemos negligenciar este mandamento? Ou podemos fazê-lo de qualquer jeito, ou da maneira que acharmos melhor? NÃO. Devemos Buscar com toda diligência e procurar entender bem. O Senhor ressuscitado nos deu uma ordem e devemos cumpri-la a risca.

O Senhor não nos mandou juntar gente para fazer reuniões. As reuniões são importantes, assim como a cura dos enfermos. Os sermões tem o seu lugar, e certamente devemos cantar e louvar. Contudo o fundamental é fazer discípulos. A não ser que isto seja bem entendido, todas as outras coisas importantes serão a casca de uma fruta oca. Serão um amontoado de atividades sem propósito e sem valor eterno.

 Que Deus crie em nós o coração de um verdadeiro discípulo, um coração voltado para o Senhor, liberto, disposto a obedecer, nos capacitando a viver a vida de Jesus e reproduzi-la em todas as pessoas que estão a nossa volta.

IGREJA EM GOVERNADOR VALADARES

Tags: