Inicio | Temas Bíblicos |Leia a Biblia Leia a Bíblia | Post´s em Espanhol |Doações |Contato pt Portuguese
Esta é a vida eterna: que te conheçam, o único Elohim verdadeiro, e a Yeshua o Messias, a quem enviaste. JOÃO 17:3
faceicon
OBREIRO

O OBREIRO – UM VASO DE HONRA

“Ora, numa grande casa não há somente utensílios de ouro e de prata; há também de madeira e de barro. Alguns, para honra; outros, porém, para desonra. Assim, pois, se alguém a si mesmo se purificar destes erros, será utensílio para honra, santificado e útil ao seu possuidor, estando preparado para toda boa obra.” (II Tm. 2:20-21)

Somos comparados na Bíblia a um vaso.
Existem vários tipos de vasos.
Vasos de ouro, de prata, de pau e de barro.
Talvez se nós fossemos escolher algum deles certamente escolheríamos o vaso de ouro.
Porém Deus escolheu colocar o seu tesouro nos vasos de barro para que a excelência do poder não seja do vaso, mas do Senhor.

Para fazer seus milagres, Deus precisa de vasos disponíveis.
Foi assim na multiplicação do azeite da viúva.
“Eliseu lhe perguntou: Que te hei de fazer? Dize-me que é o que tens em casa. Ela respondeu: Tua serva não tem nada em casa, senão uma botija de azeite. Então, disse ele: Vai, pede emprestadas vasilhas a todos os teus vizinhos; vasilhas vazias, não poucas.” (II Rs. 4:2-3)
E na transformação da água em vinho.
“Jesus lhes disse: Enchei de água as talhas. E eles as encheram totalmente.” (Jo. 2:7)

Deus pode fazer maravilhas quando nos apresentamos a Ele como vasos disponíveis para a sua obra.
“Mas o Senhor lhe disse: Vai, porque este é para mim um instrumento escolhido para levar o meu nome perante os gentios e reis, bem como perante os filhos de Israel; pois eu lhe mostrarei quanto lhe importa sofrer pelo meu nome.” (At. 9:15)

O VASO

• O material do vaso.
O material do vaso é o barro.
A lama não serve, pois representa instabilidade, insegurança e contaminação.
O barro é flexível.

• A condição do vaso.
O vaso precisa estar limpo, por dentro e por fora.
Aqui estão incluídos os pecados visíveis e os ocultos, do corpo e da alma, os que o homem vê e os que só Deus vê.

• O conteúdo do vaso.
Na bíblia encontramos vasos contendo:
 Àgua: “Jesus lhes disse: Enchei de água as talhas. E eles as encheram totalmente.” (Jo. 2:7)
 Vinho: “Tendo o mestre-sala provado a água transformada em vinho (não sabendo donde viera, se bem que o sabiam os serventes que haviam tirado a água), chamou o noivo e lhe disse: Todos costumam pôr primeiro o bom vinho e, quando já beberam fartamente, servem o inferior; tu, porém, guardaste o bom vinho até agora.” (Jo. 2:9-10)
 Perfume: “E eis que uma mulher da cidade, pecadora, sabendo que ele estava à mesa na casa do fariseu, levou um vaso de alabastro com unguento.” (Lc. 7:37)
 Azeite: “Eliseu lhe perguntou: Que te hei de fazer? Dize-me que é o que tens em casa. Ela respondeu: Tua serva não tem nada em casa, senão uma botija de azeite. Então, disse ele: Vai, pede emprestadas vasilhas a todos os teus vizinhos; vasilhas vazias, não poucas.” (II Rs. 4:2-3)

 Maná: “Disse também Moisés a Arão: Toma um vaso, mete nele um gômer cheio de maná e coloca-o diante do SENHOR, para guardar-se às vossas gerações.” (Êx. 16:33)
 Tesouro: “Temos, porém, este tesouro em vasos de barro, para que a excelência do poder seja de Deus e não de nós.” (II Co. 4:7)
 Vinagre: “Estava ali um vaso cheio de vinagre. Embeberam de vinagre uma esponja e, fixando-a num caniço de hissopo, lha chegaram à boca. Quando, pois, Jesus tomou o vinagre, disse: Está consumado! E, inclinando a cabeça, rendeu o espírito.” (Jo. 19:29-30)

Precisamos nos livrar do conteúdo maligno, o pecado guardado.
Precisamos nos encher da palavra de Deus.
“Habite, ricamente, em vós a palavra de Cristo; instruí-vos e aconselhai-vos mutuamente em toda a sabedoria, louvando a Deus, com salmos, e hinos, e cânticos espirituais, com gratidão, em vosso coração.” (Cl. 3:16)
E nos encher do Espírito Santo.
“E não vos embriagueis com vinho, no qual há dissolução, mas enchei-vos do Espírito, falando entre vós com salmos, entoando e louvando de coração ao Senhor com hinos e cânticos espirituais, dando sempre graças por tudo a nosso Deus e Pai, em nome de nosso Senhor Jesus Cristo, sujeitando-vos uns aos outros no temor de Cristo.” (Ef. 5:18-21)

• A utilidade do vaso.
Deus não precisa de vasos ornamentais.
Não devemos ser apenas receptores, mas recipientes, que recebem, guardam, conservam e compartilham na hora certa.
Precisamos compartilhar a palavra, a fé, o amor, a unção, etc.

Precisamos ser flexíveis como o barro nas mãos do oleiro.
“Palavra do SENHOR que veio a Jeremias, dizendo: Dispõe-te, e desce à casa do oleiro, e lá ouvirás as minhas palavras. Desci à casa do oleiro, e eis que ele estava entregue à sua obra sobre as rodas. Como o vaso que o oleiro fazia de barro se lhe estragou na mão, tornou a fazer dele outro vaso, segundo bem lhe pareceu. Então, veio a mim a palavra do SENHOR: Não poderei eu fazer de vós como fez este oleiro, ó casa de Israel? — diz o SENHOR; eis que, como o barro na mão do oleiro, assim sois vós na minha mão, ó casa de Israel.” (Jr. 18:1-6)

Enquanto formos inflexíveis como a pedra, não poderemos ser usados.
Ser inflexível é não perdoar, não aceitar correção, não se arrepender, não reconhecer o erro, não chorar, não querer mudar.
Sejamos flexíveis como o barro nas mãos do oleiro.
Coloque-se nas mãos do oleiro para que Ele o transforme, limpe e use para a Sua glória.

O Obreiro é vaso de barro, escolhido, comprado, selado e preparado para toda a boa obra.
Temos que honrar ao nosso Deus e nos purificar de toda malícia e obras que desagradam ao Senhor.
Portanto, devemos procurar com zelo os melhores dons e ficar atentos para a necessidade da obra de Deus.
Quando Deus quiser nos usar, possamos dizer: Eis-me aqui Senhor.
Que minha luz brilhe diante dos homens e eles vejam que sou nascido em ti.

Deus nos escolheu dentre milhares e nos honrou com a sua presença, fazendo que vasos de barros, passivos a se quebrarem, pudessem ter o direito de comportar em si a o próprio Deus, na pessoa do Espírito Santo.
Ele nos comprou por bom preço, usando o sangue de Jesus como uma moeda corrente para pagar todos os nossos pecados e nos preparou para toda a boa obra, para que através de nossas vidas o Seu nome fosse glorificado no céu.
Que Deus tremendo é o nosso Deus!
Viva abundantemente e de cabeça erguida, sabendo que você é vaso precioso diante dos olhos do Senhor.
“Sede, pois, imitadores de Deus, como filhos amados; e andai em amor, como também Cristo nos amou e se entregou a si mesmo por nós, como oferta e sacrifício a Deus, em aroma suave.” (Ef. 5:1-2)

Amém!!!

Postado por Pr. Alcir Marinho

Tags: