Inicio | Temas Bíblicos |Leia a Biblia Leia a Bíblia | Post´s em Espanhol |Doações |Contato pt Portuguese
Esta é a vida eterna: que te conheçam, o único Elohim verdadeiro, e a Yeshua o Messias, a quem enviaste. JOÃO 17:3
faceicon
Marcos. 2.6 O fato de Jesus perdoar pecados,que dizer que ele é o Deus Todo- Poderoso ?

Marcos. 2.6 O fato de Jesus perdoar pecados,que dizer que ele é o Deus Todo- Poderoso ?

Usando o mesmo argumento dos fariseus, os defensores da pluralidade de pessoas em Deus, afirmam que quando Jesus curou o paralítico perdoando os seus pecados usou de uma prerrogativa que somente a Deus compete. No entender deles Jesus estaria se revelando como sendo o próprio Deus; mas leiamos o texto atentamente, Mc. 2.5: “ E Jesus, vendo-lhes a fé, disse ao paralítico: Filho, perdoados são os teus pecados. 6 Ora, estavam ali sentados alguns dos escribas, que arrazoavam em seus corações, dizendo: 7 Por que fala assim este homem? Ele blasfema. Quem pode perdoar pecados senão um só, que é Deus? 8 Mas Jesus logo percebeu em seu espírito que eles assim arrazoavam dentro de si, e perguntou-lhes: Por que arrazoais desse modo em vossos corações? 9 Qual é mais fácil? dizer ao paralítico: Perdoados são os teus pecados; ou dizer: Levanta-te, toma o teu leito, e anda? 10 Ora, para que saibais que o Filho do homem tem sobre a terra autoridade para perdoar pecados ( disse ao paralítico ), 11 a ti te digo, levanta-te, toma o teu leito, e vai para tua casa.” Percebamos que a própria Escritura nos informa que toda autoridade que Jesus tem é derivada do Pai, e ele de si mesmo nada pode fazer. Jo. 5.30 “Eu não posso de mim mesmo fazer coisa alguma; como ouço, assim julgo; e o meu juízo é justo, porque não procuro a minha vontade, mas a vontade daquele que me enviou.” Em At. 10.42 lemos ainda que: “Este nos mandou pregar ao povo, e testificar que ele é o que por Deus foi constituído juiz dos vivos e dos mortos.”, e as mesmas pessoas que presenciaram o episódio de Mc. 2, não assimilaram o evento como uma revelação de que Jesus fosse Deus por haver feito aquilo, pelo contrário, perceberam que ele era aquele que recebera de Deus tal poder, pois na seqüência do milagre lemos a conclusão: “a multidão, vendo isto, maravilhou-se, e glorificou a Deus, que dera tal poder aos homens” (Mt. 9.8).
Postado por Valdomiro

Tags: