Inicio | Temas Bíblicos |Leia a Biblia Leia a Bíblia | Post´s em Espanhol |Doações |Contato pt Portuguese
Esta é a vida eterna: que te conheçam, o único Elohim verdadeiro, e a Yeshua o Messias, a quem enviaste. JOÃO 17:3
faceicon
REPUTAÇÃO MORAL E ESPIRITUAL

REPUTAÇÃO MORAL E ESPIRITUAL

TEMA: REPUTAÇÃO MORAL E ESPIRITUAL

“Eis a história de Noé. Noé era homem justo e íntegro entre os seus contemporâneos; Noé andava com Deus.” (Gn 6.9); “Havia um homem na terra de Uz, cujo nome era Jó; homem integro e reto, temente a Deus e que se desviava do mal.” (Jó 1:1).

A reputação moral e espiritual são requisitos essenciais, sobretudo indispensáveis em todas as áreas da vida, a reputação está intrinsecamente ligada à fama e ao bom nome, porém para adquiri-la é mister ter uma conduta plausível a sociedade, e abalizada na palavra de Deus.

Os adjetivos que dão a qualidade ao substantivo feminino (Fama)

Ø Boa, quando o nosso nome é louvado.

Ø Má, quando ela nos tira o bom nome.

Se existe algo mais importante na vida a zelar, esse seja o seu nome e a reputação.

O bom nome é o maior patrimônio que o ser humano pode ter.

A integridade de um homem não tem preço. (Pv 22:1; Ec 7:1a, Ct 1:3).

A reputação do individuo deve ser reconhecida

Geralmente as pessoas famosas são conhecidas por aquilo que são, temos exemplos nas escrituras de algumas que se destacaram:

A reputação de José foi reconhecida por Faraó (Gn 41.38,39). Elias foi reconhecido pelas suas características (2 Rs 1.8); Elizeu, foi vista a sua reputação (II Rs 4:9); Salomão a sua fama chegou aos ouvidos da rainha de Sabá (2 Cr 9:6); Uzias sua fama foi muito longe (II Cr 26:15); Jesus teve boa reputação (fama) (Mc 1:28).

Nem todas as pessoas sabem estar no topo da fama, é necessário que ela tenha autocontrole para poder permanecer e se dar bem. Nas escrituras temos exemplos de personagens que chegaram ao topo, mas não souberam administrar os seus sentimentos com relação ao poder. Nabucodonosor (Dn 4.30); Uzias (2 Cr 26.15,16); Belsazar (Dn 5.2,3); Acabe (1 Rs 16.30); Herodes (At 12.21-23).

Reputação Moral

Integridade é ser inteiro, completo, reto, exato, inatacável, irrepreensível (Ne 5:14,15). Samuel na transferência de cargo discursou diante do povo a respeito da sua probidade (I Sm 12:2-4), portanto essa declaração era apenas a confirmação daquilo que já se sabia dele (ISm 9.6). Elizeu foi observado e conhecido por uma mulher (sunamita) como homem de Deus (2 Rs 4.9). Esses homens tinham compromisso com Deus e com a sociedade em que viviam. Portanto a nossa postura e ética devem ser vista em todos os sentidos da vida, exemplo: no andar, (Rm 13:13); no falar (Ef 4:29; Tt 2:7,8; Mt 12.36,37; Pv.15:4), entre outros.

“Quem anda em sinceridade anda seguro, mas o que perverte os seus caminhos será conhecido” (Pv 10.9).

Reputação Espiritual

A reputação espiritual é vista do mesmo modo, e tem tudo a ver com reputação moral, quem a possui será bem sucedido, pois o sucesso da vida espiritual depende muito do procedimento humano. A credibilidade religiosa tem sido enfraquecida devido o comportamento e caráter de certos cristãos.

“Portai-vos de modo que não deis escândalo nem aos judeus, nem aos gregos, nem à igreja de Deus” (I Co 10.32)

Devemos ser exemplo em toda a nossa maneira de viver, tanto congregados, como membros e obreiros (II Co 6.3; At 20.28).

Procuremos fazer uma autoavaliação de como está a nossa reputação na sociedade em que vivemos. Deus nos escolheu para sermos santos e irrepreensíveis diante dEle em amor. (Ef. 1:4). A nossa reputação deve ser boa tanto nos céus como na terra.

Diga-me como está sendo vista a tua reputação aqui, que eu te digo como ela está sendo no céu.

Pr. Elis Clementino – Itapissuma – PE

Tags: