Inicio | Temas Bíblicos |Leia a Biblia Leia a Bíblia | Post´s em Espanhol |Doações |Contato pt Portuguese
Esta é a vida eterna: que te conheçam, o único Elohim verdadeiro, e a Yeshua o Messias, a quem enviaste. JOÃO 17:3
faceicon
SERÁ VERDADE HAVER UM “RAPTO” DA IGREJA ?

SERÁ VERDADE HAVER UM “RAPTO” DA IGREJA ?

De onde vem a ideia de um “rapto” ou arrebatamento da Igreja?
A doutrina do arrebatamento,mal chamado “rapto”,da Igreja baseia-se em I Tess. 4:15-17,que citamos da Versão Israelita Nazarena (VIN):
“Isto que lhes declaramos se baseia na Palavra do Mestre:nós os que ficarmos vivos e que permaneçamos até à vinda do Mestre,não nos adiantaremos aos que
morreram.Pois quando o Próprio Mestre baixar do Céu com Voz de Autoridade,com pregão de Arcanjo e com o som da Trombeta,os que morreram no Messias ressuscitarão primeiro:depois nós os que hajamos permanecido vivos,seremos ARREBATADOS nas nuvens juntamente com êles para sair ao encontro do Mestre no ar:e assim estaremos sempre com o Mestre”.
Para responder à pergunta há que considerar três aspectos fundamentais:
1-O que é o arrebatamento?
2-Para onde irão os arrebatados?
3-Quais vão ser os arrebatados?
a)-Que coisa é o arrebatamento?
Em primeiro lugar,devemos esclarecer que a palavra “Rapto” que se usa em
geral para descrever êste facto é incorrecta. Baseia-se numa tradução errónea da
palavra Inglesa “Rapture” que se usa da Bíblia daquele país.
A palavra Inglesa “rapture! não significa “rapto” senão “arrebatamento”,como o
traduzem correctamente as versões Espanhola R.Valera e Portuguesa J.F.Almeida.
As palavras “serão arrebatados”,aqui é a tradução do verbo Grego
“japagulsômetha” que por sua vez é a tradução do Hebraico “venaaleh”:elevados.
Se refere a que estas pessoas serão elevadas,levadas para cima.
b-Para onde irão os arrebatados?
É óbvio que a passagem NÃO diz que serão levados “para o Céu”.
Essa frase que serão levados para o Céu foi acrescentada pelos pregadores.
A Versão Portuguesa F.de Almeida diz que “seremos arrebatados com êles nas
nuvens”,nada mais. Para quê ? O texto diz:”para encontrar o Mestre nos ares”.
Isto baseia-se na antiga tradição de que quando um rei ia visitar uma cidade,
os anfitriões saíam da cidade para receber o rei,para depois entrar outra vez na
cidade com êle. Por isso os Santos sairão a receber o Rei Messias que regressa,
para depois baixar e permanecer na Terra,o nosso lar.
A passagem não diz para onde irão depois desse arrebatamento.
Para onde vão o dizem outras passagens,não esta.
E certamente essas outras passagens,que são matéria para outro tema,nos
indicam claramente que o Messias levará os seguidores “arrebatados” para o Monte de Sião em Jerusalém,para iniciar ali o seu Reinado de Mil anos.
Uma dessas passagens é Revelação 14:1,onde o discípulo Hebreu João descreve
numa visão do futuro os 144.000 redimidos e os localiza no Monte de Sião.
Outra passagem é Zacarias 14:3,4,onde diz que o Messias virá,como representante
de Yahweh e descerá no Monte das Oliveiras,de onde tinha ascendido ao Céu,
dez dias antes de enviar o Espírito Santo.(Actos 1:12).
Nessa ocasião entraremos nos detalhes do capítulo 14 de Zacarias.
3-Quais são os que vão ser arrebatados?
Esta é a parte central da pergunta que se apresenta.
Não é preciso ir mais longe;a passagem diz claramente que os que serão
arrebatados são os que “morreram no Messias” e “os que hajam permanecido
vivos”,ou seja,que essa multidão de pessoas se compõe pelos que morrem no
Messias e os que vivem no Messias.
Esses serão os ressuscitados e os transformados no momento da Segunda
Vinda do Messias.
E onde ficará o Povo de Israel?
Falaremos de Israel um pouco mais adiante,porque não está incluído nesta
multidão.
É óbvio que para pertencer a êsse grupo de arrebatados há que “viver no Messias”
porque os que estavam vivos,viveram no Messias,quando estavam vivos viveram no Messias.
Mas o que é viver no Messias?
Em resumo:viver como diz o Apóstolo Paulo:
“Porque,segundo o homem interior,tenho prazer na Lei do Todo-Poderoso”.
(Rom.7:22).
Êstes são os chamados “santos”,ou seja consagrados.
Ainda que devido à inclinação natural da carne,os santos pecam às vezes,no
entanto,no seu interior se deleitam em obedecer à Torah do Todo-Poderoso.
Estes NÃO SÃO os que desprezam a Lei de Yahweh,dizendo que está abolida,
são os que se deleitam na Lei de Yahweh.
“Faze-me andar na vereda dos Teus Mandamentos,porque nela tenho prazer”-
(Salmos 119:35).Compare Romanos 7:22.
Em resumo:os arrebatados no momento do regresso de Yahoshúa,são os
consagrados que vivem no Messias,obedecendo tal como o fêz o Messias,à Lei
Celestial – a Torah – e os consagrados ressuscitados que alguma vez viveram
de igual maneira.
Esta multidão de santos ressuscitados irão até às nuvem para receber a
Yahoshúa,segundo nos indicam outras passagens,é composta por gente de todas
as nações,tribos e línguas.
Não diz nada aí sobre Igrejas ou Assembleias.
As Igrejas como se conhecem hoje funcionam como clubes sociais privados
em exclusivo,onde se nega a sua entrada a pessoas que não creiam igual em tudo como elas. Cada Igreja crendo com certa arrogância que eles são os vão obter a
Vida Eterna,afirma que as outras Igrejas são falsas e que não têm parte parte no
Reino Eterno.
Isto é o que se poderia considerar como arrogância,um orgulho espiritual que
se baseia na jactância e na ignorância.Permita-se-me dizer algo em particular.
É um facto comprovado que TODAS as Igrejas têm erros.
E TODAS as Igrejas têm Verdades.
E quando dizemos “Igrejas” incluímos Assembleias,Congregações e Sinagogas,ou
como se lhes chame.Isto é um facto da realidade que todos podem ver desde
que não tenham influências contrárias.

ONDE FICARÁ ISRAEL ?
Mas as Sagradas Escrituras nos dizem claramente o papel de Israel em tudo isto.
Em primeiro lugar,fazemos referências outra vez a Zacarias 14,mas antes ao
capítulo 12. Os vers. 2 e 3 deste capítulo,nos fixam no “tempo do fim”,
quando as nações se aliam para combater contra Jerusalém.
O vers.9 nos diz que o Todo-Poderoso Yahweh se propõe destruir os exércitos
das nações que combatam o Seu Povo.
Dizemos os exércitos porque aí diz “a todas as nações que vierem contra
Jerusalém” mas,obviamente,os que vêm contra Israel,não são todos os habitantes
das nações,mas sim só os exércitos militares.
No vers.10 se profetiza que Yahweh derramará o Espírito da Graça-de perdão-
sôbre a casa de David e sobre Israel e “eles olharão Aquele,a Quem trespassaram”
não “a Mim” como erradamente alguns traduzem,mas sim “Aquele”,segundo o
texto Hebraico mais antigo. Aquele é o Messias,Filho de David.
Este versículo nos informa que os de Israel “chorarão como quem chora por
Um Unigénito”. Isto nos fala de uma conversão de Israel a nível nacional ao
Messias Yahoshúa,Filho de David.
No capítulo 13:1 nos diz que “haverá uma fonte aberta para a Casa de David”.
Isto significa o perdão à escala nacional que será concedido ao povo de Israel
no regresso de Yahoshúa.
Aqui se cumpre o que predisse Paulo em Romanos 11:26:
“E assim,todo o Israel será salvo,como está escrito:De Sião virá o Libertador,e
desviará de Jacob as impiedades”.
Por favor leia todo capítulo 11 de Romanos que fala do chamamento irrevogável de Israel e da sua restauração nacional.
Zacarias 14:5 nos diz que o Messias em representação de Yahweh,virá “com
todos os seus santos”, esses serão os santos arrebatados até às nuvens.
Eles descerão com Yahoshúa,pousando os pés sobre o Monte das Oliveiras-
(Zac.14:4). E aí está Israel.na sua terra,vitorioso depois da batalha final no vers.2.
E é sobre este Israel vitorioso que o Messias governará,segundo a Profecia do
Anjo Gabriel,registada em Lucas 1:32,33:
“Este será grande e será chamado Filho do Altíssimo;e Yahweh Todo-Poderoso
Lhe dará o trono de David seu pai.
“E reinará eternamente na Casa de Jacob e o Seu Reino não terá fim”.
Aqui o Anjo Gabriel fala com referência a Yahoshúa. Está a ver?
O Messias não reinará directamente sôbre as nações.
Yahoshúa reinará sôbre a Casa de Jacob e a Casa de Jacob é a que reinará sôbre
as nações. E qual é a Casa de Jacob ? É evidente e claro,certo, que é a
nação que actualmente se chama Israel.
Os santos que estarão ao lado do Messias na sua descida das nuvens para a
Terra,reinarão com Êle também,segundo a Sua Promessa em Rev. 2:26,27:
“Ao que vencer e guarde as minhas obras até ao fim lhe darei autoridade sôbre
as nações e as pastoreará com vara de ferro… Assim como Eu recebi de Meu Pai”-
(Versão Israelita Nazarena-VIN).
Esta passagem nos ensina o seguinte:Sendo que Israel há de governar ou
pastorear sôbre as nações no Reino do Messias e sendo que o Messias promete aos seus seguidores governar ou pastorear sôbre as nações,isto significa então que aqueles seguidores do Messias vão ser integrados,enxertados ou assimilados
em Israel.
De outro modo tudo isto não teria sentido.
Disso mesmo nos fala todo o capítulo 11 de Romanos.
Há muito mais que poderíamos dizer,mas o deixamos em aberto para escritos
posteriores.Fica convidado para continuar a estudar este tema fascinante do Reino
do Messias. Apenas abrimos a porta,fica seu cargo continuar a investigar o tema
do Reino do Messias..
Shalom !
Autor: José Aharón Alvarez
Caguas – Porto Rico.
“Candelero de Luz Inc”.
Publicado pela “Asamblea de Yahweh Internacional” (AYIN) Puerto Rico
Tradução elaborada por
Boner Daleoni – Moita – Portugal

Tags: